27 de fevereiro de 2016

cores e formas II

Peter O.o SagAe
 

A mãe gosta do azul. Papai, do vermelho. Muitos gostam de uma ou outra cor, porém qualquer discussão cotidiana pode levar o coração a dividir-se em partidos (tristes partidos) e descaminhos pela rua. Com o tom pessoal da crônica, este é um pequeno livro-objeto de vigorosa síntese gráfica para entendermos o quanto vivemos um jogo de relação entre opostos e como podemos afastar, ou abraçar todas pessoas do mundo. AZUL E VERMELHO #editorapeiropolis (2015) #literaturainfantil texto: Mireya Tabuas, cor: Patrícia van Dalen, forma: Ricardo Baez, trad. Rubia Prates Goldoni #mireyatabua

“A vizinha do segundo andar e o vizinho do primeiro andar não se cumprimentam...”


“Então eu disse que minha cor preferida é...”


Literatura (e Sociologia) para crianças: o livro fala, assim, de gosto e gênero, times desportivos, política e tudo o mais que solicita tolerância e respeito às opiniões contrárias às nossas próprias convicções.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores