13 de abril de 2016

muitos os cantos pra passear

Peter O.o Sagae


H. J. Koellreutter certa vez comparou o trabalho da composição musical ao trabalho das rendeiras de bilro: é o som que se trama, linha que se leva de um lado para o outro até aparecer o desenho sobre o tecido do silêncio. Pois lembro agora dessa imagem e não sei bem por quê... Talvez seja a simplicidade com que se pode fazer um livro.




Lúcia Hiratsuka atravessa os seus silêncios com palavras, desenhos e ruídos para revelar o espírito familiar, as brincadeiras, a máquina de costura da mãe, o tamanco das meninas, um trem que se inventa no quintal... São muitos os cantos pra passear, por onde passa um fio de brisa também passa alegria, memória e afeto.



Para leitores pequeninos, sim. E para quem viveu outros TANTOS CANTOS na infância. #editoradcl (2012) #literaturainfantil #luciahiratsuka capa, projeto gráfico e fotos adicionais: www.deborabarbieri.com.br

Um comentário:

  1. Querido Peter, lindeza pura, a de vcs dois, autora e leitor mais que especial!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores